Inicio Criptojuegos Block Farm Club: Será o novo Plant vs Undead? | Português

Block Farm Club: Será o novo Plant vs Undead? | Português

/

Block Farm Club é um jogo NFT lançado em meados de setembro, sendo muito semelhante a Plant vs Undead em termos de interface gráfica e jogabilidade

Esta semelhança levou muitos a se perguntarem: será este o novo Plant vs Undead?

O game traz uma proposta onde os usuários podem ganhar tokens ou NFT por meio da modalidade de regar plantas e concluir missões diárias.

Para entrar no jogo, um requisito mínimo de 5 tokens (BFC) é necessário e poderá ser utilizado para comprar plantas temporárias, além de suprimentos para mantê-las.

Block Farm Clube

Até agora Block Farm Club tem atendido às expectativas da comunidade, devido aos lucros que gera e ao baixo investimento que o jogo requer em comparação com outros projetos. Além disso, eles já anunciaram algumas melhorias na jogabilidade e no sistema de recompensas.

O interesse por Block Farm Club explodiu!

De acordo com dados do Google Trends, nos últimos 30 dias, Block Farm Club liderou as intenções de busca na Venezuela, estando bem acima de Plant vs Undead e Axie Infinity.

Intenção de pesquisa / Google Trends

Isso é um reflexo da enxurrada de novos jogadores, que já havia sido anunciada pelos desenvolvedores do jogo nesta segunda-feira, 25 de outubro.

Discrod Block Farm Club

A equipe de Block Farm Club terá a difícil tarefa de manter a confiança de sua comunidade e fazer as mudanças necessárias para que o jogo continue sua jornada rumo ao topo dos jogos criptográficos.

Repetirá os erros de Plant vs Undead?

Uma das maiores dúvidas da comunidade é se os desenvolvedores de Block Farm Club cometerão os mesmos erros que custaram caro para jogos como Cryptoblades e Plant vs Undead.

Até agora, tudo indica que os desenvolvedores se comprometeram a melhorar o ecossistema do jogo e estão dispostos a aprender com os erros cometidos por outros projetos, buscando soluções antecipadas.

Block Farm Club conta com a confiança de uma comunidade que está crescendo massivamente, agora dependerá de seus desenvolvedores para manter a rentabilidade adequada, melhorar sua jogabilidade e tomar as decisões certas que permitam o crescimento do game em um mercado em plena expansão.

Quer saber mais sobre criptojogos? Clique aqui.

Agora você pode comprar bitcoins com moedas locais de países da América Latina e sem pagamento de comissões diretamente na exchange Binance

Você pode comprar e vender bitcoins e outras criptomoedas em Binance P2P com a moeda local de El Salvador, Venezuela, Argentina, Colombia, Chile, Uruguai, Perú, Bolivia, Paraguai, Brasil, México, e República Dominicana.

Na Venezuela está disponível a compra de criptomoedas com bolívares através dos bancos Mercantil e Provincial, com transferência bancária, pago móvil e PayPal.

Para começar a comprar, vender e comercializar criptomoedas através da Binance você deve possuir uma conta ativa e verificada. Aqui.

Agora em Morocotacoin.news você pode ver alguns tutoriais que te auxiliarão a comprar e vender criptomoedas de forma bem simples e segura:

  • Aprenda como se registrar em Binance para comprar e vender bitcoins e outras criptomoedas. Aqui.
  • Como fazer a verificação de identidade ou KYC em Binance para abrir ou continuar utilizando sua conta. Aqui.
  • Como comprar bitcoin com bolívares em Binance P2P em 5 passos. Aqui.
  • Tutorial Binance P2P para comprar e vender criptomoedas com bolívares, pesos e solesAqui.
  • Como comprar e vender bitcoins em Colômbia? Guia para ganhar dinheiro com BTC através de Binance P2P. Aqui.
  • Como agregar novos métodos de pagamento para compra e venda de criptomoedas em Binance P2P. Aqui.
  • Aprenda a montar uma ordem de venda de bitcoins na exchange Binance. Aqui.
  • Quer saber como vender seus bitcoins com uma Ordem Limite em Binance? Conheça como fazê-lo e sua utilidade. Aqui.
  • Como publicar anúncios em Binance para compra e venda de criptomoedas. Aqui.
  • Conselhos para assegurar sua compra e venda de criptomoedas em Binance P2P. Aqui.

Relacionados

Únete a nuestro canal de

Más recientes