Inicio Criptojuegos Plant vs Undead: entrevista com Drulock, um dos rostos do PVU | Português

Plant vs Undead: entrevista com Drulock, um dos rostos do PVU | Português

/

Plant vs Undead tem sido um sucesso retumbante em todo o mundo, apesar dos problemas enfrentados ao longo do caminho e da recente queda de preço do token PVU.

O crescimento do game se deve à solidez demonstrada pelo projeto, sua grande rentabilidade e ao trabalho na linha de frente realizado pelos moderadores do game, que atuam como as faces do Plant vs Undead nas comunidades de cada país.

Morocotacoin teve a oportunidade de entrevistar o moderador Francisco José González Sánchez, mais conhecido como Drulock na comunidade Plant vs Undead. Nosso objetivo era descobrir qual o papel dos moderadores do jogo e qual é a opinião de Drulock sobre os desafios que o jogo enfrenta após a última atualização.

Última atualização de Plant vs Undead

Quem é Drulock e de onde vem o interesse pelos criptojogos?

“Sou um jogador de longa data, inclusive ‘ Drulock ’ é o apelido que usei por muitos anos no mundo dos jogos e vem de World of Warcraft.

Sobre as criptomoedas e seu mundo, venho estudando sobre elas há cerca de um ano. Amo as duas coisas e a fusão das duas me apaixona”.

Como você se tornou um moderador do Plant vs Undead?

“Eu tenho um amigo criador de conteúdo, o nome dele é José e ele é da Espanha. Ele tem um canal de criptojogos e eu costumava colaborar com ele. Eu vi o jogo em um chat, os usuários do canal passaram pra mim. Eu mostrei para José e quando ele viu o jogo simplesmente amou.

Ele fez um vídeo sobre Plant vs Undead, criou um canal de Telegram não oficial e os desenvolvedores o contataram para ser um moderador da comunidade hispânica e, como fiz colaborações com ele, ele me incluiu na equipe”.

Qual é o seu papel em Plant vs Undead?

“Eu sou o moderador oficial da comunidade hispânica. Criei o Facebook oficial em espanhol para Plant vs Undead e o controlo, tal como acontece com outros colegas, damos o controle ao Telegram e ao Discord. Repassamos informações traduzidas, ajudamos novas pessoas, controlamos grupos, etc.

No meu caso particular, estive muito envolvido no projeto, pois acredito muito nos Devs. Tenho me conectado muito bem com eles e também sou responsável pela expansão do game (esta é minha iniciativa), então faço colaborações com outras comunidades de streamers, revistas e mídia eletrônica. Assim ajudo a desenvolver o jogo, a informar as comunidades e a criar uma grande família ”.

Como funcionará a Factory Chain? Haverá mais comissões?

“Ainda não temos essa informação. Posso dizer que vai ser uma rede paralela, mas não sei se vai ter comissões ou não ”.

La imagen tiene un atributo ALT vacío; su nombre de archivo es Screenshot-18.png
Factory Chain / Plant vs Undead

As recompensas plantadas diminuirão com o advento do PvP e do PvE?

“A ideia de incluir PVP e PVE é um modo alternativo, não está previsto modificar o Farm, embora seja necessário cuidar da economia do jogo, os Devs sempre tomam as decisões.”

La imagen tiene un atributo ALT vacío; su nombre de archivo es unknown-4.png
PvP Plant vs Undead

Quais são os problemas atuais do jogo e quais falhas o Farm 3.0 poderia solucionar?

“Para mim, neste momento, o maior problema é que estamos em BETA, com a quantidade de jogadores que temos, existem grupos, erros e desconfortos que em um jogo BETA é normal, mas com a escalabilidade para os servidores da Amazon e a entrada do Farm 3.0, estes erros devem ser corrigidos. Da mesma forma, a equipe trabalha muito e está resolvendo todos os problemas e tem a minha confiança de que continuará a fazê-lo ”.

Existem realmente conversas sobre os servidores da Amazon? Quando eles serão implementados?

“Estima-se que os servidores da Amazon serão implantados em aproximadamente 2 a 3 semanas para escalar o jogo. Espera-se que todos os problemas de estabilidade do jogo sejam corrigidos”.

Quer saber mais sobre criptojogos? Clique aqui.

Agora você pode comprar bitcoins com moedas locais de países da América Latina e sem pagamento de comissões diretamente na exchange Binance

Você pode comprar e vender bitcoins e outras criptomoedas em Binance P2P com a moeda local de El Salvador, Venezuela, Argentina, Colombia, Chile, Uruguai, Perú, Bolivia, Paraguai, Brasil, México, e República Dominicana.

Na Venezuela está disponível a compra de criptomoedas com bolívares através dos bancos Mercantil e Provincial, com transferência bancária, pago móvil e PayPal.

Para começar a comprar, vender e comercializar criptomoedas através da Binance você deve possuir uma conta ativa e verificada. Aqui.

Agora em Morocotacoin.news você pode ver alguns tutoriais que te auxiliarão a comprar e vender criptomoedas de forma bem simples e segura:

  • Aprenda como se registrar em Binance para comprar e vender bitcoins e outras criptomoedas. Aqui.
  • Como fazer a verificação de identidade ou KYC em Binance para abrir ou continuar utilizando sua conta. Aqui.
  • Como comprar bitcoin com bolívares em Binance P2P em 5 passos. Aqui.
  • Tutorial Binance P2P para comprar e vender criptomoedas com bolívares, pesos e solesAqui.
  • Como comprar e vender bitcoins em Colômbia? Guia para ganhar dinheiro com BTC através de Binance P2P. Aqui.
  • Como agregar novos métodos de pagamento para compra e venda de criptomoedas em Binance P2P. Aqui.
  • Aprenda a montar uma ordem de venda de bitcoins na exchange Binance. Aqui.
  • Quer saber como vender seus bitcoins com uma Ordem Limite em Binance? Conheça como fazê-lo e sua utilidade. Aqui.
  • Como publicar anúncios em Binance para compra e venda de criptomoedas. Aqui.
  • Conselhos para assegurar sua compra e venda de criptomoedas em Binance P2P. Aqui.

Relacionados

Únete a nuestro canal de

Más recientes